MINHA AUSENCIA NAS VISITAS

MINHA AUSENCIA NAS  VISITAS
Meus amigos, estou ausente em minhas visitas, estou passando por momentos dificeis, meu Pai esta em coma, com problemas gravissimo no Pulmão e Cancer na Medula. Assim que puder eu os visitarei. Beijos no coração

quarta-feira, 11 de março de 2009

Sensual

Ainda sinto o teu corpo ao meu corpo colado;
nos lábios, a volúpia ardente do teu beijo;
no quarto a solidão, desnuda, ainda te vejo,
a olhar-me com olhar nervoso e apaixonado...

Partiste!... Mas no peito ainda sinto a ânsia e o latejo
daquele último abraço inquieto e demorado...
- Na quentura do espaço a transpirar pecado,
Ainda baila a figura estranha do desejo...

Não posso mais viver sem ter-te nos meus braços!
- Quando longe tu estás, minha alma se alvoroça
julgando ouvir no quarto o ruído dos teus passos...

Na lembrança revejo os momentos felizes,
e chego a acreditar que a minha carne moça
na tua carne moça até criou raízes!...

( J. G. de Araujo Jorge - coletânea
-in "Poemas do Amor Ardente" 1961 )

4 comentários:

Aqui - Ali - Acolá disse...

Olá Lucinha bom dia:
Obrigado por vires a meu blog comentar, e como tuas palavras me encheram de emoção e alegria nem calculas amiga.
Por vezes Lucinha, sem conhecer-mos as pessoas pessoalmente, temos um sentimento de afecto muito grande por elas pela maneira em como elas se exprimem ao escrever, e isso, é o que eu vejo em ti pela maneira como te exprimiste no meu blog.

Mais um lindíssimo poema tu aqui postaste amiga, ele diz muito bem o que é viver-se uma verdadeira paixão e amor entre dois seres.

Tanto se pode escrever e dizer sobre a palavra amor quando ele é sentido no coração de uma pessoa.

O mundo sem amor não é mundo!...

Temos em nossas vidas
Um coração que bate, bate sem parar
Ouço-o gritar fortemente
Qual suspiro de amor ele me dá
Será a chama de um tempo
Que jamais se esquecerá!..
Outro coração avança
Em direcção ao meu
Nele vem uma lembrança
De um tempo que em mim nasceu
Forte belo num suspiro
De um tempo de bonança
Oh Deus, como é bom recordar
Tudo o que me deste amar
Hoje homem, ontem criança..

Bjinhos lindo dia te desejo..

Deliciosamente Atrevida disse...

Olá. Muito obrigada pela visita, e claro que podes voltar, as portas estarão sempre abertas...

Quanto ao banho gelado foi para isso mesmo que criei o blog pra deixar todo mundo mais quente...rsrs

Peguei o selinho.

Bjo grande!

Cidadão abt disse...

Ôi Lucinha, cá o Cidadão ficou transando seu blôguinho, no entanto os temas em que se movimenta são um pouquito diferentes desses que está pégando o sentimentau!
Não conhecia a Deolinda? A paixão cá do Cidadão, apresentada pela Companheira!
Pois é, no Brasil é meimso Bossa-Nova pá québrá e Samba prá desbundá!
LOL!LOL!
Cá o Cidadão sabe escrever em Português do Brasil... ou... deu raia?
Com Ciberamizade:
Tchau, e mande sempre!
Váleu?

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Obrigada pela visita!Lindíssima a sua escolha!Engraçado que o poeta era o "queridinho" das mocinhas da minha época(tenho toda a coleção dele autografada) e quando comecei a ler pensei:tem o estilo do J.G. e quando cheguei encantada ao final era ele mesmo!!!Viajei e adoreeeei!!!

Beijos e volte sempre!Sonia Regina.